Violência e drogas nas escolas

“A atenção precisa ser diferenciada para aquele adolescente tido como indisciplinado ou que tem dificuldade de aprendizagem. Ao invés de rotular e propor a expulsão, o colégio deve investir pedagogicamente no aluno”, acredita Olympio de Sá Sotto Maior Neto, Procurador de Justiça.
Fonte: (Tribuna do Paraná, p.5; O Estado do Paraná, p.8; Joyce Carvalho – 18/10)

A violência na escola é assunto antigo das conversas sobre educação. Em 2000, a UDEMO realizou uma pesquisa com quase 500 escolas públicas de todo o estado de São Paulo, 44% afirmaram que a violência aumentara em relação aos anos anteriores.

É importante ressaltar que a violência escolar não vem desacompanhada de outros fatores. Não é algo que surge e termina dentro da sala de aula. É apenas uma das facetas dos variados tipos de violência que acercam o jovem diariamente: a violência familiar, social, estatal, verbal, física, comportamental, entre tantas outras. O aluno influenciado por tipos de violência em casa ou na rua é meio de transporte para que esta violência adentre as escolas.

O assunto é vasto e merece muitas discussões e reflexões. Contudo, para o professor, além de combater as causas, é de imediata importância também entender e tentar controlar suas conseqüências. Para isso, muitas possíveis soluções estão sendo apontadas a fim de que esse sério problema seja resolvido. Uma das ações que melhores resultados tem mostrado é a boa gestão da escola. Ou seja, a vontade dos diretores e dos professores de mudar o quadro depredado da escola. Bons exemplos encontramos em escolas como a da Vila Prete e a Professor José Negri, ambas no estado de São Paulo. Essas escolas conseguiram ótimas notas em exames nacionais, e o segredo está na boa gestão.

Uma gestão de qualidade inclui projetos que tragam os professores, pais e voluntários para perto dos alunos, dentro da escola. Projetos como atividades internas nos períodos em que não se tenham aulas, aos fins de semana etc, assim como o conhecido Amigos da Escola, ou mesmo outros de iniciativa própria nas comunidades.

O importante é acreditar no aluno. Não se pode desistir daquele aluno que não consegue aprender e tem dificuldades dentro e fora da escola, sentindo-se intimidado com a frustração, ele pode reagir com violência. A professora Mabel Victorino, 30 anos, deixa isso claro quando fala sobre o assunto,

“A gente tem de usar todas as formas possíveis para fazer o aluno aprender… Se não dá de um jeito, aprende de outro.”

A vontade de se empenhar na pacificação da escola já é bem antiga, em 1999, uma reportagem da ISTOÉ que tratava da violência escolar coloca um comentário do pedagogo Roberto Leme, presidente da UDEMO na época,

“Sem conseguir sobressair, os jovens se juntam em grupos e partem para a violência”, explicitando a importância das atividades extracurriculares na rotina do jovem.

As Drogas

Um dos principais motivos da violência escolar está no uso e no tráfico de drogas (ilícitas ou não). Muitos alunos usam e comercializam drogas dentro e nas proximidades da escola. Isso também atrai maus elementos para os arredores das instituições. Na mesma pesquisa da UDEMO,

“27% das escolas pesquisadas relataram que alunos portavam e consumiam bebidas alcoólicas durante as aulas. 19% das escolas foram invadidas por estranhos, com objetivo de furto, roubo, estupro, tráfico, de drogas. 18% acusaram porte ilegal de armas, por parte dos alunos.”

A solicitação de um bom policiamento às autoridades, como se já não fosse um dever, pode ajudar. Às vezes, apenas a presença de uma viatura da Guarda Municipal já é o suficiente para intimidar possíveis problemas nas saídas das escolas e o comércio de drogas – pelo menos em frente aos portões.

Um levantamento publicado pelo jornal argentino Clarín, no ano passado, mostra que o Brasil é o 3º em uso de cocaína na América do Sul,

“1,7% dos brasileiros matriculados no ensino médio já consumiram a droga.”

O Brasil perde apenas para a Argentina e para o Chile. Isso pode nos dar uma idéia de como o problema é grande.

Sem contar o uso de bebidas alcoólicas e de cigarro comum. A criança com muito tempo livre ocioso acaba por assistir a muitos programas violentos e que incentivam o uso de álcool, por exemplo. Aída Maria Monteiro Silvia trata, em seu texto, A Violência na Escola: A Percepção dos Alunos e Professores (link para o arquivo em .pdf), entre outras coisas, a influência que a programação pouco educativa da televisão causa às crianças.

Campanhas e projetos que dão seminários sobre o uso e o efeito das drogas no organismo podem ajudar no combate a esse uso indevido na rua e nas salas de aula.

389 thoughts on “Violência e drogas nas escolas

  1. Gostaria de fazer uma espécie de “chamamento” para as Stas. ELIANE CAMPOS SOUSA E MARIA IZILDA CAMPOS SOUZA da empresa Jusem localizada na Rua General Osório, 1212- 10 andar- Centro- Campinas-SP para que se retratem com Jupira Lucas Zucchetti. Os contatos feitos por email na tentativa de dialogar de forma amistosa foram ignorados. E o contato feito pessoalmente fui tratada com ironia. Fica o registro a novamente a solicitação de RETRATAÇÃO.

  2. Pow muito bom o artigo, estou fazendo um artigo na faculdade acerca desse fator e pretendo citar umas partes deste texto, seria bom se tivesse o nome do autor que escreveu esse texto e a data da postagem para mim dar os créditos do autor e da página lógico….
    Thanks!!!

  3. oi eu achei bastante interessante para as pessoas aprederem a se conviver melhor com as pessoas e dizer “não ” as drogas !!!!!

  4. ESSE SITE N É IDIOTA!!! ELE NOS ENSINA A N PRATICAR A VIOLENCI E NAO CONSUMIR DROGA E ISSO É BOM PARA INSTRUIR AS PESSOA Q N TEM MUITA INFORMAÇAO

  5. olha,vai se lasca estao matando muito vamos mata tanbem acho um abisurdo jovens criancas adultos morerem tao cedo porcausa das drogas VAMOS TOMAR CUIDADO VAMOS TER CONSIENCIA DOQUE FAZEMOS E MUITO TRISTE VER UMA MAE CHORA PELOS SEUS FILHOS E VER QUE NAO TEM MAIS SOLUCAO POR ISSO VAMOS TER CONSIENCIA

  6. é um artigo muito interessante…tem de ser lido por os pais para inform ar aos meninos e aprendam que a droga está na escola , mais eles devem fujir dela

  7. Kto chce zarobic w sieci parenascie $$$ dziennie??? Metoda jest prosta i dziala, wpiszcie sobie w gogle: jak kosić kasę na Adfly

  8. But such notion was soon set to nap when India batted.
    Now which you have your list, go through the design of each horse.
    Knowing some with the basics might help us appreciate what these animals need to go by means of provide entertainment for us.

  9. Generally, each time as I felt achieved so much fun playing these interesting activity game of war cheats and also auditory skills.
    With a furious mind you’ll venture towards the common video converter for ipad.
    It’s a PSP support function. No money required The Samsung G800 is
    the same category such as a suitable game of war cheats
    time-consuming task.

  10. Dungeon Siege games are of multi-media origin and can be
    in luck. To evaluate and measure the social mobile games are fun, willl
    help you make late payments or fail to obtain. Aside from
    the well-known tourist site in case of a computer
    programming language and that is in MIDP 2.

  11. This game showcases a complete list world of tanks blitz hack of some of the card in the mobile industry is really ideal for you to visit the download.
    99 and it’s highly important to keep on top of the best
    part of the rock pantheon, Rock Band song list if they are
    very useful as well as multiple obstacles. To
    give you best solutions fro your business organization.

  12. So if you still need something that is given to you decided toy blast cheats to steal the
    ball to the True Crime and liked by all creatures on this platform.
    Pinball Evolution $14 95Highly addictive, usually leaving
    you wanting more. This wrestling game initiates new struggle submission scheme where in the direction by
    tilting the iPhone medium. The Stadium This intense multiplayer map takes the hook to bring out the jelly.
    Know someone who displays bad sportsmanship and becomes insulting or humiliates you every time.

  13. Dicas com porquê fazer: Cobertura a Monografia, capote
    com monografia, Menorreia da ABNT, de que maneira fazer monografia, porquê fazer Projeto Final, como fazer seminário,
    porquê fazer capas, referências bibliográficas, protótipo a monografia.

  14. Outro sítio que você é possível que realizar respectivo curso é na Escola Industrial Cuca Legal,
    em direção a escola administra curso a manutenção e também
    instalação de atmosfera condicionado de janela e também mini-centrais
    split.

  15. I would like to thank you for the efforts you have put in writing this blog.

    I’m hoping to check out the same high-grade content from you later on as well.
    In fact, your creative writing abilities has motivated me to
    get my very own site now 😉

  16. Sometimes people post nicely detailed wee reviews or mention useful specifics about the phone they tested on, sometimes they just post abuse.
    You can drag and drop names in the address field to arrange them more conveniently.
    There is plenty of this kind of apps on android market.

  17. This is very interesting, You are an overly skilled blogger.
    I have joined your rss feed and sit up for in quest of
    more of your magnificent post. Also, I have shared your
    site in my social networks

  18. On a découvert que les signaux déclencheurs de la floraison fonctionnent en lien avec les rythmes circadiens des plantes; on sait également que la lumière du jour change de façon prévisible en fonction de l’heure et
    de l’angle des trajectoire du soleil lorsqu’ils touchent la Terre, pour produire une lumière du apparence bleu au matin et une lumière du
    spectre rouge de nuit.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *